Minha jornada em prosa e poesia

Olá escuridão, minha velha amiga
Eu vim para conversar com você novamente...
(Sound of silence-Simon & Garfunkel)







quinta-feira, 11 de novembro de 2010


Queria variar um pouco.
Deixar de falar sobre os mesmos assuntos.As mesmas palavras,as mesmas dores.
Queria escrever algo engraçado.
Algo que as pessoas sentissem prazer.
Falar sobre as cores,coisas de adolescentes.
Maquiagem,garotas e sapatos.
Queria me sentir como alguem normal.
É,uma garota fútil pra minha idade.
Quem iria me julgar dizendo que estaria errada?Seria só uma menina mesmo...






Queria poder não exigir tanta maturidade de mim mesma.
Poder de vez em quando fazer birra e querer mimo.
Queria bater o pé,fazer biquinho,ir nos shown de bandas coloridas....






Pensando bem,não!




Não quero mais apenas diferente.Quero ser ANORMAL.
Ser diferente já virou clichê!




Não importa se eu falo sobre as mesmas coisas,porque aqui dentro elas sempre se modificam,sempre tomam formas diferentes.
Bah,vou pra casa,aproveitar que a noite será fria.Ouvir meu bom e velho Metallica e sonhar com pessoas distantes.

Um comentário:

Os Devaneio do Andante Solitário disse...

Muito interessante, pareceu até algo como Clarisse Linspector ou Florbella Spanka. Concordo plenamente com a parte que diz: "Não quero mais apenas diferente.Quero ser ANORMAL.
Ser diferente já virou clichê!"
Seu texto me faz sentir como se fosse escrito por mim mesmo, numa tentativa de não ser eu, mas de ser o que os outros querem, e de fato às vezes tento, as vezes até consigo, mas retorno à mim mesmo.

Veja Também